sábado, 3 de fevereiro de 2018

Danças na Floresta - Opinião


Título Original: Wildwood Dancing
Título: Danças na Floresta
Autor: Juliet Marillier
Nº de Páginas: 336
Editora: Bertrand Editora
Data de Publicação: Junho/2011
ISBN: 978-972-25-1696-9
P.V.P: 18,85€

Sinopse:
Cinco irmãs aventureiras
Quatro criaturas sinistras
Três presentes mágicos
Dois amantes proibidos
Um sapo enfeitiçado

Atravesse a soleira da Floresta e entre numa terra de magia, audácia, traição e amor.

Opinião:
 E mais uma leitura mágica.....
 Quando comecei a leitura de Danças na Floresta, pensei que iria ser mais um livro de fantasia comum, igual a muitos outros, principalmente porque a acção se passa na Transilvânia. Mas com o continuar da leitura e com o passar dos capítulos percebi que seria um livro extremamente emocionante e vibrante.
 Mas agora vamos falar um pouco da história em si...
 Danças na Floresta conta a história de cinco irmãs, Tatiana, Jenica, Iulia, Paula e Stela, que quando eram muito novinhas e se mudaram para Piscul Dracului descubriram uma magia antiga, um portal que as levava a um Outro Reino.
 Mas não podiam entrar sempre por este portal. As 5 irmãs nas noites de lua cheia juntavam-se num recanto do seu quarto e abriam o portal com as sombras das suas mãos. Já neste Outro Reino elas dançavam toda a madrugada e faziam amizade com os habitantes sobrenaturais deste reino. 
 Mas um dia as coisas começam a mudar, pois chegam visitantes, o Povo da Noite. Não mudam só no Outro Reino mas também em Piscul Dracului...
 Juliet Marillier inspirou-se no conto As Doze Princesas Bailarinas para escrever esta história, mas na minha opinião também se inspirou um pouco no conto A Princesa e o Sapo. A autora aproveitou uma viagem à Transilvânia para ficar a conhecer algumas das suas histórias e lendas e começar a escrever este livro. Tenta principalmente tirar a ideia de que a Transilvânia esta só relacionada com vampiros e lobisomens.
 Gostei muito da estrutura da história, da forma como se desenvolveu ao longo dos capítulos. A facilidade com que lemos o livro é incrível, é muito fácil compreender os mistérios e desvendar os segredos que a história vai construindo.
 A minha personagem favorita é o sapo GOGU, uma personagem muito misteriosa e que consegue derreter o coração de qualquer um. GOGU é o melhor amigo e animal de estimação de Jena, a personagem principal. Este sapo é muito estranho, tem muitos segredos. Jena encontrou-o na floresta perdido, todo a tremer quando tinha 5/6 anos, aos seus 15 anos este sapo já era parte da sua vida, parte da sua consciência. Durante todo o livro GOGU dá conselhos sábios a Jena, sobre como agir, como falar, mas também consegue ser maldoso para com os que tentam fazer mal a Jena. É sem dúvida alguma uma personagem incrível. 
 Para além de GOGU e de Jena, as personagens mais importantes da história, no livro existem mais 4 personagens importantes e que desenrolam um papel decisivo em várias situações. 
 Em primeiro lugar Draguta, a feiticeira da floresta, que desde o principio é temida e considerada o ser mais maldoso de todo o vale.
 Em segundo lugar Cezar, primo das 5 irmãs e um tirano inato, que só pensa em poder e em apoderar-se de Piscul Dracului, dos negócios do tio e das cinco meninas... Ah e que é apaixonado (ou pelo menos diz ele) por Jena.
 Em terceiro lugar Tatiana, a irmã mais velha, que só pensa em conhecer o amor verdadeiro e que dará tudo para viver a sua paixão.
 E por último Tristeza, um homem misterioso que aparece na clareira da dança nas noites de lua cheia e que se apaixona de imediato por Tatiana, mas que não conta nada sobre ele e que deixa todos apreensivos. 
 Uma grande história e com um final emocionante mas feliz...
 Apesar de ser uma fantasia mais juvenil, acho que todos podem ler e gostar desta história e por estas razões é que decidi dar 5 estrelas.
   
A vossa Gothic Clare

Enviar um comentário