segunda-feira, 14 de novembro de 2016

Polícias, Crimes e Criminosos - Resenha


Título: Polícias, Crimes e Criminosos
Autor: Samuel Antunes Teixeira
Editora: Chiado Editora
Data de Publicação: Nov-2013
Nº de Páginas: 570
P.V.P: 18,00€


Sinopse:
« Estas são memórias dos 30 anos em que trabalhei na investigação de homicídios.
Em alguns poucos casos tive que as complementar com alguma imaginação para preencher uma ou outra falha de memória. Em outros, também recorri à imaginação para conseguir uma abordagem mais ampla de temas fraturantes da nossa sociedade que determinados casos refletem. Fi-lo, porém, sempre com base em situações que fazem parte desta minha vivência, sem desvirtuar o sentido do real.
Não procurei uma estrutura uniforme na sua conceção, diversifiquei, e tentei fugir ao estilo "relatório de polícia", evitando descrições demasiado factuais, pormenorizadas ou técnicas sem, contudo, deixar de revelar aspetos do funcionamento da investigação criminal e da sua concretização processual.
Procurei retratar pessoas, ambientes e mentalidades, assim como manifestei a minha posição sobre temas polémicos que não representa, de modo nenhum, os investigadores da Polícia Judiciária. 
Sou voz,  não sou porta-voz.
Samuel Antunes Teixeira»

Opinião:
Neste livro podemos ver retratados os 30 anos de carreira de Samuel Antunes Teixeira, ex inspector de homicídios da Polícia Judiciária.
O livro encontra-se dividido em 5 capítulos que retratam as várias faces da sua carreira.
Podemos encontrar tanto o retrato de vários crimes e investigações em que esteve inserido e também para diminuir a intensidade de caracterização que vemos desde um princípio, Samuel decide incorporar momentos e lembranças felizes de colegas e de situações ocorridas na sua vida pessoal, como por exemplo o que está mais vivo na minha memória a história da sua cadela Nina. Temos também muitos momentos engraçados passados dentro da polícia e claro como não podia deixar de ser muita investigação criminal.
Também podemos encontrar fotos e várias peças processuais sobre diversos casos investigados por Samuel.
Bem depois de ler e de poder ficar a conhecer um pouco mais o mundo da Polícia Judiciária, que como todos sabem eu adoro, já que quero ser investigadora criminal, ainda fiquei com mais vontade de ler mais histórias sobre as vivências dos inspectores e agentes da Judiciária.
Adorei o livro e a forma como Samuel conta toda a sua vida profissional, acho que é um livro muito instrutivo e ao mesmo tempo divertido, podemos ir retirando notas sobre vários acontecimentos nacionais ao longo dos anos tal como eu fiz (podem ver na imagem abaixo), principalmente dos anos 70 e 80 que vivem momentos muito atribulados depois do 25 de Abril e de uma descolonização como diziam mal conseguida.
Aconselho vivamente a todos os que gostam de ouvir histórias de outros tempos e vivências a ler este livro e a entrarem na vida deste inspector de homicídios.


A minha Avaliação é sem sombra de dúvidas 5***** estrelas

A vossa Gothic Clare




Enviar um comentário